A VERDADEIRA ESPIRITUALIDADE

               Uma dupla vantagem tem a Filosofia Espírita: ensina-nos a caminhar  neste plano físico e nos dá elementos para ensaiarmos nossos primeiros passos logo após o nosso desencarne. Assim, esclarece  o articulista Domério de Oliveira, a Filosofia Espírita manda-nos que espiritualizemos a matéria e não materializemos o Espírito. Entre os estudantes e adeptos da mais Alta Filosofia, muito se fala em espiritualidade. Sim, para quem procura viver a Vida Superior, a palavra Espiritualidade tem um alto significado. Espiritualidade demonstra aquele “Algo Invisível” que emana de quem vive a Verdadeira Vida. Espiritualidade é uma palavra endógena impalpável, mas tão real e evidente que não se pode ocultar. Ademais, podemos estar certos de que o homem ou mulher que possui a Verdadeira Espiritualidade mereceu-a por seus esforços e não a recebeu de presente. A conquista da Verdadeira Espiritualidade se faz através de árduos esforços, paciente perseverança, sofrimento, sacrifício, amor e cultivo de elevados Ideais.

Sim, meus amigos, o desenvolvimento da Verdadeira Espiritualidade  não é coisa fácil de ser alcançada e quem pensar em obtê-la da noite para o dia ficará tristemente decepcionado.

Se batalharmos arduamente no caminho do Bem, se nos prepararmos através dos Estudos Espirituais, se tivermos uma ampla visão da vida, no seu aspecto global, e se vivermos em harmonia com o Plano Divino, através do Evangelho do Mestre Jesus, então começaremos a trilhar a avenida luminosa da Espiritualidade.

Sim, nós, os estudantes da Filosofia Espírita, já possuímos alguns conhecimentos que nos descortinam diáfanos e novos horizontes. Mas só o conhecimento não basta para o desenvolvimento a verdadeira Espiritualidade. Necessário se torna que o nosso conhecimento se desdobre e se materialize em ações que possam trazer benefícios aos irmãos carentes. Acreditamos que nosso objetivo final na aquisição do conhecimento é ficarmos mais bem preparados para servir à humanidade. .ão podemos esperar que a Espiritualidade venha até nós em pratos de ouro, mas devemos buscá-la, como esforçados garimpeiros, tentando burilar o diamante bruto que ainda somos. Ouvimos magníficas conferências, lemos livros notáveis, mas se não nos empenharmos a conquistar certas verdades, por nós mesmos, ficaremos marcando passo. Não é fácil, mas também não é impossível colocarmos em prática aquilo que lemos e que ouvimos.

Devemos nos esforçar para viver de acordo com os lindos Princípios da nossa  Doutrina. É por isso que estudamos e buscamos a VERDADE para viver de acordo com os nossos Ideais. Mão devemos, nem um instante, cessar de buscá-los”.

Podemos concluir que para a conquista da Espiritualidade verdadeira, devemos ter absoluta fé na Doutrina que seguimos e em seus princípios.

 

Sônia Aparecida Ferranti Tol

Anúncios